Arquivo da tag: elis

Aos nossos filhos

.
(…)
E quando passarem a limpo
E quando cortarem os laços
E quando soltarem os cintos
Façam a festa por mim
.
Quando lavarem a mágoa
Quando lavarem a alma
Quando lavarem a água
Lavem os olhos por mim
.
Quando brotarem as flores
Quando crescerem as matas
Quando colherem os frutos
Digam o gosto pra mim
.
(Ivan Lins/Victor Martins)
.
.
*****************************************
.

Aos nossos netos, bisnetos…

Essa interpretação visceral de Elis é de outubro de 1980. A composição de Ivan Lins e Victor Martins deve ser anterior (não encontrei fonte disponível). A explicação “os dias eram assim” serviria para os filhos de Elis, Ivan e Victor e de toda aquela geração. Mas passaram-se trinta anos e nada foi passado a limpo, nenhum laço foi cortado, nenhum cinto foi solto e a explicação já não serve mais para filhos. Talvez netos e bisnetos… Ainda não fizemos a festa. Até quando teremos de esperar para festejarmos o fim desse pesadelo?
.

#desarquiveJA

.
.

Cais

Eu queria ser feliz
Invento o mar
Invento em mim o sonhador
Para quem quer me seguir, eu quero mais
Tenho o caminho do que sempre quis
(Milton Nascimento / Ronaldo Bastos)