Quando laranjas são mais importantes que seres humanos

.

Com quem a Justiça está preocupada? - por Carlos Latuff


Antonio Arles
Arlesophia
.
Precisa dizer mais alguma coisa? A charge do Latuff já diz tudo! Vivemos num país onde o poder econômico ainda diferencia os cidadãos diante dos magistrados.
E o que dizer do órgão máximo do Poder Judiciário, com um presidente que só sabe atender imediatamente as reivindicações dos ricos? Dá pra entender quando eles dizem que têm “facilidades”…
Mas, os pobres, notadamente aqueles que não se conformam com a condição injusta imposta pela desigualdade, são criminalizados, seja pelos grupos da velha mídia (atendendo à interesses próprios e de seus parceiros), seja pelo Estado através da justiça e dos seus agentes.
Nesse contexto de distorções, pés de laranja se tornam mais importantes que seres humanos.
Leia nota do MST sobre a prisão de militantes em Iaras.
.
Anúncios

Sobre Niara de Oliveira

ardida como pimenta com limão! marginal, chaaaaaaata, comunista, libertária, biscate feminista, amante do cinema, "meio intelectual meio de esquerda", xavante, mãe do Calvin, gaúcha de Satolep, avulsa no mundo. Ver todos os artigos de Niara de Oliveira

2 respostas para “Quando laranjas são mais importantes que seres humanos

  • alvaro

    a muito tempo o mst deixou de ser uma organização social pró sem terras em luta pela reforma agrária,para tornar-se um bando de terroristas, invasores e destruidores do patrimônio produtor. Vários deles que receberão terras do governos deram destinos diferentes à terra recebida, outros repassaram as mesas para almejarem ganhos financeiros. Hoje um bando armado e protegido por petistas e governantes.
    Esse grupo deveria ser considerado totalmente fora da lei e dissolvido. O pior que ainda recebem verbas do governo…dinheiro arrecadado de nossos impostos, para semearem a discórdia e destruição.

  • Niara de Oliveira

    Como sempre, não censuro comentários. Salvo os que contenham ofensas gratuitas e palavrões. Tens o direito de ter a tua opinião mas não o de classificar os sem terra como terroristas. Deverias procurar o dicionário e ver o significado de terrorismo. Infelizmente estás mal informado com relação ao MST e sua estrutura. Já deverias saber que a imprensa brasileira tem lado e que eles não cumprem seu papel de dar voz as muitas versões (pelo menos, duas) de um mesmo fato. Das duas, uma: Ou és mal informado ou defendes a tua classe, o teu lado. Eu defendo a minha. Esse espaço, o Pimenta com Limão, é meu blog pessoal. Aqui se defende os oprimidos e se denuncia os opressores. Eu defendo o MST, a reforma agrária, a discriminalização do aborto, o casamento gay, a igualdade de gênero e raça, a eutanásia, a libertação da Palestina, a punição aos torturadores da ditadura militar brasileira, etc… Se não leste minha apresentação, repito: Sou comunista, libertária e de esquerda. Se não defendes nada disso, acho que meu blog não te serve como leitura. Fique com a grande imprensa se acreditas nela. Queres ser meu leitor? És bem-vindo e agora já sabes o que encontrarás por aqui. E, por favor, não me faça perder tempo em discussões infrutíferas.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: